Resenha: “Mephistofeles – Whore” (Digital)

a1989223086_10
O power trio argentino do Mephistofeles formado por Ismael Dimenza no baixo, Gabriel Ravera na Guitarra e Vocal e Iván Sacharczuk na bateria, lançou, em 2016, seu primeiro full álbum no formato digital, o mais que excelente e viciante “Whore”.O disco conta com 7 faixas e apresenta um Doom/Stoner da mais alta classe e muito competente! Vale ressaltar que as músicas soam com extrema precisão e possuem personalidade dentro de um estilo que por muitas vezes, tende a soar bem repetitivo. Os riffs são marcantes e bem presentes, e por ora chegam a remeter algumas bandas-chave como Black Sabbath (na época do Master of Reality), Electric Wizard, Kyuss, dentre outras por exemplo. As letras falam sobre drogas e depravação, o vocal é limpo e a bateria soa exatamente como deve soar. Vale toda atenção para as faixas Black Sunday, Drug Addict, Wizard of Meth e Cursed to Death.
13226628_1195116553834624_3015529544065865680_n


BandcampFacebook

Anúncios
Este post foi publicado em 30 de maio de 2016 às 5:02 pm. Ele está arquivado em Resenha musical e marcado , , , , , , , , , . Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: